22 Outubro 2021, Sexta-feira
- PUB -
Início Desporto Impasse pode colocar em causa o processo de inscrição da equipa sénior

Impasse pode colocar em causa o processo de inscrição da equipa sénior

Incumprimento da SAD do Pinhalnovense gera preocupação

O prazo da inscrição termina na segunda-feira mas o clube não sabe o que a SAD pretende fazer. A AF Setúbal e a FPF estão a par da situação e há a esperança que tudo venha a correr bem

 

- PUB -

 

O Clube Desportivo Pinhalnovense num ano atípico “desorganizado e sem planeamento” não baixou os braços, manteve as suas vertentes principais, enfrentou a pandemia e no final fica a ideia de que tudo correu de forma satisfatória.

A maior preocupação tem a ver com o não cumprimento por parte da SAD do protocolo estabelecido. “Após vários meses de relações tensas com os administradores e representantes da maioria do capital da SAD, mantém-se o impasse no entendimento para o acordo e planeamento de liquidações em dívida para com o clube. Esta situação já é insustentável para a tesouraria do clube e poderá colocar em causa o processo de inscrição da equipa sénior no Campeonato de Portugal, que tem que ser feita até à próxima segunda-feira, dia 12 de Julho”.

- PUB -

“Não temos qualquer informação sobre os propósitos da administração da SAD para a próxima época, quer da inscrição da equipa no CNS, quer na constituição do plantel. Embora disponíveis para as soluções, não somos contactados pelo investidor para algo de concreto. Contudo, estamos esperançados que tudo venha a correr bem. A FPF e a AFS estão a par da situação. O Pinhalnovense tem o direito a permanecer nos Campeonatos Nacionais, como já o faz há mais de 20 anos”, disse o presidente António Sousa.

Entretanto, o clube manifestou a sua satisfação porque “pelo segundo ano consecutivo foi qualificado com a certificação da FPF para os Campeonatos Nacionais e Formação, numa acção conjunta com o Pinhalnovense Futebol SAD”.

Sobre a sede provisória foi adiantado que “por indicações da Câmara Municipal de Palmela o clube abandonou a sede provisória que funcionava há cerca de 20 anos em anexo ao edifício da ex-Pluricoop, lado norte, ficando a aguardar pelo restauro das instalações do lado sul, para reinstalação das valências entretanto afectadas (salão desportivo, ginásio com máquinas, sala de reuniões dos órgãos sociais e zonas de arrumos diversos. O clube foi também informado pela autarquia que a sede social histórica, abandonada por razões de segurança, após vistoria da protecção civil, será adquirida e recuperada para voltar a instalar o clube e as valências afectadas pela desocupação”.

- PUB -

Relativamente à remodelação do campo de futebol de sete, situado a norte do Campo Santos Jorge, “no seguimento da candidatura ao programa de apoio a equipamentos, o Clube Desportivo Pinhalnovense teve despacho favorável da CCDRLVT, ficando agora a aguardar pela assinatura do contracto- programa financeiro. O valor da candidatura foi de 100 mil euros, verba que será comparticipada a 50% pela CCDRLVT e em 40% pela Câmara Municipal”.

Outro assunto abordado foi a alteração aos estatutos que vai mudar o modelo de gestão que vai passar a ser feita por época desportiva e não por ano civil como acontecia. Assim, em ano de transição o relatório e contas do primeiro semestre de 2021 será apresentado na Assembleia Geral de 27 de Agosto (data provisória). Verificando-se a necessidade de refrescar alguns elementos da direcção e melhorar a sua resposta às múltiplas e exigentes tarefas que cada vez mais lhe são solicitadas, será pedido ao presidente da MAG que encontre uma solução junto dos sócios para remodelar ou substituir a direcção.

[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
José Pina
Jornalista
- PUB -

Mais populares

Embarcação de pesca de Setúbal sofre danos em encontro com orcas

Mestre diz que ataque, de grupo de quatro animais, durou 20 minutos e partiu leme do barco

António Pereira: “Continuo a ver coisas no Vitória que não tenho visto nem na I Liga”

Eliminação da Taça de Portugal com o Vizela não esmoreceu aplausos aos atletas

CDU rompe acordo com PSD e ‘salva’ PS na Assembleia Municipal

Geringonça desfeita. CDU queria sigilo sobre o compromisso até à tomada de posse. João Afonso (PSD) acusa comunistas de faltarem à palavra
- PUB -