23 Maio 2024, Quinta-feira

- PUB -
Miguel Oliveira 11.º na corrida sprint do GP de França de MotoGP

Miguel Oliveira 11.º na corrida sprint do GP de França de MotoGP

Miguel Oliveira 11.º na corrida sprint do GP de França de MotoGP

Oliveira concluiu as 13 voltas previstas ao circuito de Le Mans a 13,492 segundos de distância do vencedor, o espanhol Jorge Martín (Ducati)

O piloto português Miguel Oliveira (Aprilia) foi 11.º classificado na corrida sprint do Grande Prémio de França de MotoGP, quinta prova do Mundial de motociclismo de velocidade, que decorreu no sábado, ficando afastado dos pontos.

- PUB -

Oliveira concluiu as 13 voltas previstas ao circuito de Le Mans a 13,492 segundos de distância do vencedor, o espanhol Jorge Martín (Ducati), que reforçou a liderança do campeonato.

O também espanhol Marc Márquez (Ducati) foi o segundo classificado, cruzando a meta 2,280 segundos depois do vencedor, com o seu compatriota Maverick Viñales (Aprilia) em terceiro, a 4,174.

Miguel Oliveira largou da 12.ª posição, depois da melhor qualificação da temporada, e chegou ao 11.º posto. Contudo, foi ultrapassado pelo companheiro de equipa Raul Fernandéz (Aprilia).

- PUB -

O piloto luso acabaria por ganhar uma posição com a queda do italiano Marco Bezzecchi (Ducati), a quatro voltas do final, quando era segundo classificado.

Na frente, Martín esteve sempre imperturbável desde o arranque, ao contrário do que aconteceu com o campeão em título, o italiano Francesco Bagnaia (Ducati).

‘Pecco’ arrancou do segundo lugar e foi ‘engolido’ por grande parte do pelotão, acabando por desistir, após falhar uma travagem e ter de passar pela escapatória.

- PUB -

Já Miguel Oliveira chegou a esta corrida sprint depois de ter conseguido passar à segunda fase da qualificação pela primeira vez esta temporada.

O piloto natural de Almada foi o segundo mais rápido na primeira fase, a Q1, seguindo para a Q2 juntamente com Enea Bastianini (Ducati).

Nesta segunda fase, Oliveira foi o 12.º.

Com os resultados de hoje, Jorge Martin soma 104 pontos, alargou a vantagem no Mundial de pilotos, de 17 para 28 sobre Bastianini, enquanto Bagnaia desceu ao terceiro lugar, com 75 pontos.

Miguel Oliveira ‘caiu’ um lugar, para o 14.º posto, com 23 pontos.

No domingo, vai ser disputada corrida principal do GP de França.

Almadense teve “problemas com o pneu da frente” na corrida sprint

O piloto almadense Miguel lamentou “problemas com o pneu da frente” da sua mota na corrida sprint do Grande Prémio de França de MotoGP, quinta ronda da temporada, que terminou na 11.ª posição.

Em declarações reproduzidas pela assessoria de imprensa da equipa Trackhouse, o piloto natural de Almada considerou que o resultado foi “um pouco desapontante”.

“Foi um pouco desapontante por ter tido alguns problemas com o pneu da frente ou com o próprio trem dianteiro [suspensão]. Basicamente, a frente deslizava muitas vezes, seja nas travagens ou a meio das curvas quando acelerava, pelo que arrisquei cair mesmo a baixa velocidade”, explicou Miguel Oliveira.

O piloto luso considerou o comportamento da mota “realmente estranho”.

“Tentei atacar e não cair ao mesmo tempo. Não consigo dizer quais as razões de isso acontecer mas alguma coisa estava mesmo mal. A equipa está a tentar perceber o que aconteceu para evitar que se repita amanhã [no domingo]”, na corrida principal, disse o piloto português.

Miguel Oliveira lamentou ainda não ter podido fazer melhor do que o 12.º lugar na qualificação, ainda assim o melhor resultado do ano.

“Na Q1 tive um bom desempenho mas, depois, na Q2, tive três voltas consecutivas em que apanhei bandeiras amarelas, pelo que não consegui fazer melhor”, frisou.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -