19 Junho 2024, Quarta-feira

- PUB -
Barreiro Stara Zagora na Liga Nacional de Futebol de 7

Barreiro Stara Zagora na Liga Nacional de Futebol de 7

Barreiro Stara Zagora na Liga Nacional de Futebol de 7

Com quatro jornadas realizadas, a equipa do Barreiro segue em segundo lugar a três pontos do primeiro. A próxima etapa disputa-se em Junho, no Barreiro.

 

O Barreiro Stara Zagora é a única equipa da região que disputa a primeira edição da Liga Nacional de Futebol 7, um projecto pensado na evolução da modalidade em Portugal que premeia as 6 melhores equipas a nível nacional, pelos resultados alcançados na temporada passada.

- PUB -

 

A Liga Nacional de Futebol 7 é composta por cinco etapas e decorre até ao mês de Julho, em diferentes regiões do país.

 

- PUB -

A primeira realizou-se no dia 22 de Abril em Cortegaça, a segunda no passado sábado, dia 13 de Maio, no Algarve, e as seguintes vão realizar-se no Barreiro (17 de Junho), Porto (1 de Julho) e a final em Lisboa, no dia 15 de Julho.

 

Nesta primeira edição participam as seguintes equipas: Dream Team, Tropa do Morro, FutPark, Bonde Sem Freio, Barrreiro Stara Zagora e Tiki-Taka/Estores Francisco Silva e Filho.

- PUB -

 

Depois de ter vencido os dois primeiros jogos realizados na etapa de Cortegaça (Aveiro), o Barreiro Stara Zagora perdeu na segunda etapa disputada no Complexo Desportivo Montenegro, em Faro, com a Tropa do Morro (Porto) e venceu o Dream Team (Vila Nova de Gaia), seguindo na classificação em segundo lugar com 9 pontos, menos três que a Tropa do Morro que lidera.

 

O primeiro jogo da segunda etapa, correspondente à 3.ª jornada, não correu de feição ao Barreiro Stara Zagora porque perdeu por 4-3 com a Tropa do Morro. A primeira parte foi dominada desde o primeiro minuto pela equipa vinda do Porto que aos 10 minutos já vencia por 2-0. Nos minutos que antecederam o intervalo a equipa do Barreiro teve algumas oportunidades mas não conseguiu reduzir o marcador. A segunda parte começou com novo golo do adversário mas o Barreiro Stara Zagora não desanimou, mostrou uma alma e um espírito imenso e conseguiu chegar ao empate (3-3) a dois minutos do fim. Teve ainda duas grandes oportunidades para se colocar na frente do marcador mas não conseguiu e na última jogada do encontro a Tropa do Morro, num contra-ataque, fez o 4-3, vencendo o encontro.

 

Na 4.ª jornada as coisas correram melhor e o Barreiro Stara Zagora venceu o Dream Team (Vila Nova de Gaia), por 6-3. De início nenhuma das equipas quis arriscar e o Dream Team colocou-se em vantagem na sequência de uma jogada de rotura no meio campo do Barreiro Stara Zagora, que não perdeu a calma e passou para a frente, marcando dois golos de rajada. Na etapa complementar o Dream Team fez um belíssimo golo com um remate de fora da área mas a formação do Barreiro com a entrada de Diuff imprimiu um ritmo diabólico e fez quatro golos sem resposta que repôs a justiça no marcador que ficou em 6-3.

 

Na próxima etapa que se realiza no Barreiro no dia 17 de Junho o Barreiro Stara Zagora defronta o Tiki Taka (Algarve) e o Bonde Sem Freio (Lisboa).

 

Terminar no topo é um dos objectivos

 

Luís Carreira “Didó”, um dos capitães e responsáveis da equipa, com passagem por clubes conceituados como Amora, Fabril e Barreirense, fala um pouco sobre o projecto do clube e, consequentemente, da participação na primeira Liga Nacional de Futebol 7, organizada pela Associação Portuguesa de Minifootbal em parceria com a Federação Portuguesa de Futebol.

 

“Os nossos objectivos passam por terminar no topo da classificação, sabemos que é bastante difícil mas as duas etapas já realizadas mostraram do que somos capazes de fazer. Não podemos pensar de forma diferente porque temos um plantel bastante experiente, misturado com jovens de grande valor. O outro objectivo passa por divulgar o clube para que possa haver patrocinadores interessados em apoiar a equipa porque os que existem são escassos e esta é uma competição que requer algum sacrifício de todos os jogadores para as deslocações ao sul e ao norte do país”.

 

Luís Carreira deixa também as suas perspectivas para a próxima etapa que se disputa no dia 17 de Junho, no Barreiro, muito provavelmente na Arena de Futebol de 7 da Escola D. João I.

 

“Teremos pela frente dois adversários super complicados, os atuais campeões nacionais do minifootball, o Bonde Sem Freio que é uma equipa recheada de bons jogadores e os campeões do Algarve, Tiki Taka, uma equipa bastante experiente e também muito forte, mas como estaremos a jogar na nossa cidade, perante o nosso público, tudo faremos para vencer”.

 

Resta acrescentar que a equipa vencedora da Liga Nacional de Futebol 7 irá representar Portugal na EMF Champions League.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -