11 Maio 2021, Terça-feira
- PUB -
Início Desporto 2 Vasco da Gama de Sines dá por terminada a sua participação no...

Vasco da Gama de Sines dá por terminada a sua participação no Campeonato Distrital

O clube diz que não pode colocar a vida profissional e escolar dos jogadores à frente de interesses desportivos amadores

 

- PUB -

O Vasco da Gama Atlético Clube anunciou em comunicado que a sua equipa de futebol sénior não vai continuar a disputar o Campeonato da 1.ª Divisão da Associação de Futebol de Setúbal, nesta época de 2020-2021, onde realizou apenas um jogo.

Com esta decisão que foi tomada de forma democrática e unânime por dirigentes, equipa técnica, departamento médico e jogadores, o clube esclarece que não será penalizado, isto é não desce de divisão mas também não luta, como sempre, por lugares que tem tido, por mérito próprio, nos últimos anos na tabela classificativa.

“As razões são conhecidas e em nada se alteraram, desde Agosto de 2020. A Situação pandémica verificada em Portugal obriga a que todos os jogadores, treinadores, dirigentes e fisioterapeutas a fazerem testes TRAg e, em caso de resultados positivos, testes PCR e isolamento para todos os envolvidos”, refere o comunicado.

- PUB -

No mesmo documento, pode ler-se que “de 1 de Setembro a 6 de Dezembro de 2020, o Vasco da Gama passou por três quarentenas (42 dias em 96), em que foram efectuados 80 testes PCR (38+17+24) com 7 casos positivos”.

O clube reforça a sua posição adiantando que “os nossos jogadores, técnicos e dirigentes são amadores. Não recebem qualquer contribuição monetária no Vasco da Gama Atlético Clube, mas tem responsabilidades profissionais e escolares imprescindíveis para as suas vidas que foram afectadas a nível pessoal e profissional, chegando mesmo a existir um atleta despedido do seu emprego, faltas de comparência a exames de código e condução, bem como a audiências em tribunal, atletas e familiares lesados com negócios próprios por conta de isolamentos profilácticos”.

O comunicado foca também a importância do clube na vida dos atletas que são na sua grande maioria produto das suas escolas de formação e levanta a questão dos moldes competitivos e da própria verdade desportiva.

- PUB -

“O Vasco da Gama teve, tem e terá um grande peso na vida dos atletas, sendo que 91% são formados no clube que foi sempre sinónimo de evolução como homens e atletas bem como motivo de alegria, sucesso e realização pessoal a nível desportivo, jamais quererá ser motivo de problemas na vida dos nossos jogadores.

Como tal, e desde sempre a Direcção do Vasco da Gama AC tem informado e discutido com a Direcção da AF Setúbal, quais os moldes possíveis para uma competição sã e de verdade desportiva.

Se não foi possível que isso acontecesse de Agosto de 2020 a Abril de 2021, achamos que não será nos próximos dois meses que a situação altere de tal forma que possamos voltar às competições sem que haja mais quarentenas. Temos noção da responsabilidade desta decisão. Mas não podemos colocar a vida profissional e escolar dos nossos jogadores à frente de interesses desportivos amadores”.

O único jogo que o Vasco da Gama realizou esta época foi relativo à primeira jornada, no dia 15 de Novembro, no Campo António Almeida Correia “Foni”, com o Alcochetense, que terminou empatado a zero.

José Pina
Jornalista
- PUB -

Mais populares

Barcos da Transtejo/Soflusa param travessia do Tejo a 20 de Maio

Na reunião de hoje com a administração da empresa, e conforme o que tinha sido decidido em plenário de trabalhadores da semana passada, o...

Luís Maurício: “Vamos fazer tudo para criar a polícia municipal”

Cabeça-de-lista do Chega à Câmara de Setúbal diz que concelho é inseguro e quer videovigilância em certas zonas da cidade   Luís Maurício, de 42 anos,...

Porto de Setúbal: Tersado recebe grua de última geração

A nova grua está optimizada para navios da classe Panamax, permitindo subir e descer as cargas a uma velocidade até 120 metros por minuto   A...
- PUB -