13 Maio 2021, Quinta-feira
- PUB -
Início Desporto 2 GD Fabril: “Fomos uma equipa personalizada e não tivemos medo de jogar”

GD Fabril: “Fomos uma equipa personalizada e não tivemos medo de jogar”

O Desportivo Fabril, que tem vindo a fazer uma recuperação sensacional em termos de tabela classificativa, viu interrompida uma série vitoriosa de três jogos, mas continua a acreditar na concretização do seu objectivo que passa pela manutenção no Campeonato de Portugal.

- PUB -

O jogo com o Estrela da Amadora previa-se complicado porque se tratava do líder, que também precisava de ganhar para garantir o apuramento para a prova de acesso à II Liga, e na realidade assim aconteceu.

A equipa do Barreiro entrou confiante e, mesmo antes do autogolo que colocou o Estrela na frente do marcador, atirou uma bola ao poste, cena que se repetiu mais tarde quando João Araújo atirou de novo ao ferro da baliza adversária. Não marcou o Fabril mas marcou o Estrela pouco depois, colocando assim o resultado em 2-0 a seu favor, resultado completamente injusto para a equipa do Barreiro como aliás foi reconhecido pelo treinador da equipa amadorense, no final da partida.

Em declarações ao Canal 11, João Nuno, treinador do Fabril, mostrou-se descontente com o resultado mas satisfeito com a atitude e empenho dos seus jogadores.

- PUB -

“Esta foi uma das melhores primeiras partes que fizemos, desde que estou aqui no Fabril. Fomos uma equipa com muita personalidade e não tivemos medo de jogar, acho que o resultado foi muito injusto para aquilo que fizemos mas o futebol é assim, nem vale a pena nos estarmos a lamentar. Tivemos de facto duas bolas na barra mas não conseguimos aproveitar oportunidades”, referiu o técnico, para acrescentar logo de seguida: “Na segunda parte, a ganhar por 2-0, o Estrela da Amadora com a equipa que tem, muito mais experiente que a nossa, tentou controlar o jogo, não arriscou tanto e nós tivemos mais dificuldades em entrar, mas, ainda assim conseguimos reduzir e fazer o 2-1 mesmo a jogar com 10. O Estrela ganhou porque marcou dois golos”, complementou João Nuno.

“Os meus jogadores deram uma excelente resposta perante uma grande equipa que tem por objectivo a subida de divisão”, rematou o treinador do Fabril que vai disputar no próximo domingo, na derradeira jornada, uma verdadeira final, nos Açores, contra o Sporting Ideal, que também precisa de ganhar para garantir a manutenção.

- PUB -

Mais populares

GNR desmantela maior rede de tráfico de amêijoa do Tejo em mega-operação com 200 militares

Operação resultou na detenção de seis homens e duas mulheres e na apreensão de 120 mil euros, 22 veículos e 14 embarcações   Um grupo de...

Luís Maurício: “Vamos fazer tudo para criar a polícia municipal”

Cabeça-de-lista do Chega à Câmara de Setúbal diz que concelho é inseguro e quer videovigilância em certas zonas da cidade   Luís Maurício, de 42 anos,...

Barcos da Transtejo/Soflusa param travessia do Tejo a 20 de Maio

Na reunião de hoje com a administração da empresa, e conforme o que tinha sido decidido em plenário de trabalhadores da semana passada, o...
- PUB -