1 Outubro 2022, Sábado
- PUB -
Início167º aniversárioAlícia Correia: A jogadora de futebol que aos 19 anos já representa...

Alícia Correia: A jogadora de futebol que aos 19 anos já representa a Selecção Nacional

Começou como construtora de jogo, mas actua como lateral no Sporting CP enquanto se mostra ao mais alto nível pelo seu país

 

- PUB -

Uma jogadora que sabe construir jogo, mas que actua como lateral, muito por culpa de ter iniciado a carreira como médio. Alicia Correia é um dos nomes que salta à vista quando se fala do futuro do futebol feminino português. A lateral esquerdo de 19 anos está vinculada contratualmente ao Sporting Clube de Portugal, marcando já presença na selecção principal de Portugal, após se ter destacada nas camadas mais jovens da equipa das quinas.

Natural do Barreiro, Alícia Correia deu os primeiros passos no futebol na academia Playhouse, do Pinhal Novo. Em 2011 mudou-se para o FC Barreirense onde evoluiu num contexto diferente, treinando e jogando com rapazes até à temporada de 2015/2016.

Na época seguinte (2016/2017), ingressou no Sporting Clube de Portugal e os sucessos surgiram de forma consecutiva. Tornou-se jovem internacional portuguesa em Dezembro de 2017, faz parte de uma geração que chegou às meias-finais do Europeu de sub-17, é campeã nacional de juniores pelas leoas e tem evoluído entre os escalões de juniores e seniores, actuando pela equipa B. Estreou-se na equipa principal do conjunto leonino em Setembro de 2020 e em Outubro já se estreava na principal selecção portuguesa. Conseguiu alcançar todas estas proezas naquela que foi a temporada de estreia ao mais alto nível.

- PUB -

Com apenas 19 anos até podia estar nas sub-19, mas Alícia Correia integra o grupo principal da equipa das quinas, comandado por Francisco Neto. Estar na Selecção principal, tão jovem, é um sonho para a jovem atleta: “Sempre foi um sonho, e julgo que o seja para todas as jogadoras, chegar à Selecção e representar o nosso país ao mais alto nível. Sinceramente, nunca julguei que fosse um sonho que se pudesse realizar tão cedo, mas é mesmo um privilégio poder estar aqui, tão nova”, confessou em entrevista ao Lado F.

Apesar de ter pouca experiência na equipa principal das quinas, a jovem jogadora assegura que está pronta para assumir o seu papel e ajudar sempre o seu país. “Claro que é um objectivo e continuo a trabalhar para isso. A minha integração vai ser feita ao longo dos anos. Cheguei aqui o ano passado. Por isso, vou continuar a trabalhar para, acima de tudo, poder a ajudar a equipa”, concretizou em conversa com o Lado F.

O sonho de participar no Campeonato da Europa Alicia Correia é a futebolista mais nova da selecção portuguesa, e afirma que participar no Campeonato da Europa de 2022, em Inglaterra, “é o concretizar de um sonho”.

- PUB -

“É muito bom estarmos já cá. É um ambiente a que estamos a adaptar-nos, as instalações são incríveis, não podíamos pedir melhor. Agora sim, estamos mesmo dentro do torneio, é o concretizar de um sonho”, confessou a defesa. No entender da jovem atleta “é normal uma pequena ansiedade”, sendo que espera que a mesma desapareça com o passar do tempo. “Estarmos neste ambiente vai-nos ajudando a sentir mais as coisas e acima de tudo a ansiedade vai desaparecendo aos poucos e o foco é mesmo o jogo”, afirmou a jogadora do Sporting CP, em declarações à Federação Portuguesa de Futebol.

Quem é Alícia dentro de campo

Na hora de defender, Alicia Correia é uma jogadora em quem se pode confiar a protecção da ala esquerda da defesa. A jovem apresenta-se inteligente ao nível táctico e com uma boa capacidade de ler o jogo, conseguindo dessa forma posicionar-se de forma adequada e isso confere-lhe uma forte vantagem para abordar os lances, sobretudo na antecipação.

Uma jogadora que fecha muito bem o espaço entre si mesma e a defesa central, sendo que dessa forma leva a equipa adversária a colocar a bola no espaço exterior para depois recuperar terreno com a sua velocidade. Trata-se de uma jogadora com bom timing de desarme, também pelo facto de ser competente a fazer a contenção perante as adversárias em situações de um contra um e de evitar abordar o lance de primeira.

A nível ofensivo, a sua qualidade técnica destaca-se das demais. O facto de ter começado a carreira no centro do terreno nota-se quando olhamos para a internacional jovem portuguesa e a vemos, qual construtora de jogo, sempre de cabeça levantada, à procura da melhor solução para sair a jogar e a dar prioridade à saída apoiada. A tranquilidade com que a jogadora não cede à tentação de esticar o jogo em situações, onde outras atletas o fariam, também se revela de uma jogadora de alta qualidade. É uma jovem com visão de jogo, que procura muito o passe interior e nesse aspecto, é uma jogadora muito competente, cujo pé esquerdo é capaz de colocar sempre a bola em qualquer lado e sempre “redondinha”.

 

Alícia Correia à queima-roupa

Idade: 19 anos

Naturalidade: Barreiro

Modalidade: Futebol

Quer alcançar o patamar mais alto do futebol feminino ao serviço da Selecção Nacional

Comentários

- PUB -

Mais populares

Transportes em Setúbal: “Isto não está mau. Está péssimo!”

Reuniões com a população expõem drama de grandes dimensões contado em testemunhos trágico-cómicos

Alsa Todi não verá mais um cêntimo de Palmela se não cumprir o contrato

Município está indisponível para continuar a financiar o sistema e reclama à TML a aplicação de penalidades à operadora

Bombeira grávida de sete meses diz-se ‘injustamente dispensada’ de serviço

Autoridade para as Condições do Trabalho esteve no quartel da associação
- PUB -